CHÁS

Em estudos rescentes indicam que eles são particularmente benéficos para o sistema cardiovascular (Archives of Internal Medicime) a pesquisa atribui à presença dos flavonóides nessa delicada bebida.

 

O chá verde, em especial, é o campeão em concentração de flavonóides.

Quem o consome diariamente conta com benefícios, como maior proteção para os vasos sanguíneos e redução do colesterol. Ele também protege contra a aterosclerose e reduz significativamente o risco de câncer, ainda contribui para a perda de peso, pois contém altas concentrações de catequinas polifenóis, que aumentam a queima de gorduras.

Ele promove a fertilidade feminina porque contém polifenóis e xantinas, substâncias que favorecem o amadurecimento dos óvulos e o desenvolvimento fetal.

Chá pode ter mesmo efeito que protetor solar, diz estudo

Beber dez xícaras de chá por dia pode ter o mesmo efeito que o uso de protetor solar na prevenção ao câncer de pele, de acordo com pesquisadores da Universidade de Minnesota, nos Estados Unidos.

Segundo estudo apresentado em um encontro da Sociedade Americana de Química, testes iniciais indicaram que o chá pode impedir os efeitos dos raios ultravioleta sobre a pele.

Os pesquisadores acreditam que substâncias químicas chamadas polifenóis, presentes no chá, podem proteger a pele contra a formação de cânceres de pele – à exceção do melanoma.

Os protetores solares protegem a pele por meio da absorção das substâncias químicas prejudiciais dos raios ultravioleta. Já os polifenóis – encontrados no chá preto e no chá verde – atuam depois que a pele é exposta a raios solares em excesso.

Processo químico

Os pesquisadores descobriram que os polifenóis inibem um processo químico que envolve uma enzima chamada JNK-2, ou junk-2, considerada uma das principais substâncias responsáveis pelo desenvolvimento de tumores.

Os cientistas observaram um aumento nos níveis da enzima junk-2 após a exposição da pele a raios solares, e esses níveis permaneceram elevados na pele de pessoas expostas a raios solares em excesso.

De acordo com a equipe da Universidade de Minnesota, a chance de aparecimento de câncer de pele é maior em pessoas com níveis elevados de junk-2.

"Sentimos que esse é um importante passo para melhorar a prevenção ao câncer de pele", afirmou Zigang Dong, líder do grupo de pesquisadores que realizou o estudo.

"A aplicação local de certos polifenóis do chá parece bloquear um processo que leva ao câncer de pele."

"Beber chá pode ajudar, mas você teria de beber uma grande quantidade para acumular na pele, talvez cerca de dez xícaras por dia", disse o cientista.

"É mais fácil concentrar na forma de um creme, e é provavelmente mais efetivo", acrescentou Dong.

O pesquisador disse ainda que o creme poderia ser utilizado isoladamente ou junto com um protetor solar para maximizar a proteção contra o câncer.

O chá, hoje uma designação genérica, é, depois da água, a bebida mais consumida em todo o mundo. Geralmente preparado por infusão de folhas ou flores de plantas, faz parte de rituais, da medicina caseira e é complemento dos aconchegos da maioria dos povos da terra.

Menus de Chás - Manhã

·        Carminativo – camomila , funcho, endro, erva-doce, sálvia com tomilho

·        Laxativo – cáscara sagrada, ruibarbo

·        Diurético – cavalinha, quebra-pedra

·        Calmante – banana com maracujá, verbena, capim limão

Menus de Chás - Tarde

·        Carminativo – funcho, frutas

·        Laxativo – sene, maracujá, maçã, rosa branca

·        Diurético – abacaxi c/ anis, carqueja doce

·        Calmante – camomila e calêndula, alfazema, melissa

Menus de Chás - Noite

·        Calmante – rosas com jasmim, cidreira, cidreira e mel, alfazema com hortelã  


O MELHOR CHÁ DE GENGIBRE

Receita do Nepal

Ferva uma xícara de chá de água pura e coloque uma colher de chá de folhas secas de gengibre (ginger tea). Deixe ferver mais um pouco. Adicione leite e açúcar a gosto. Deixe ferver até o leite subir.
Coe ao colocar na xícara.

 

 

Dicas:

Mais informações: http://www.pilgrimsonlineshop.com


CHÁ DE GENGIBRE 

Ingredientes

4 fatias de gengibre
2 sementes de cardamomo
6 cravos da Índia
½ canela em pau

Método

Coloque todos os ingredientes em uma garrafa térmica. Ferva a água separado e despeje sobre os ingredientes.
Querendo conservar durante o dia, complete sempre com água fervente sem mexer nos ingredientes.

 


CHÁ DE GENGIBRE II (INVERNO)

Ingredientes

1 litro de água
6 colheres de sopa de açúcar mascavo
1 gengibre grande picado
6 cravos da Índia
2 paus de canela

Método

Coloque a água para ferver, e em separado  numa panela coloque o açúcar, gengibre, cravo e canela, mexendo sempre para derreter o açúcar.
Quando o açúcar derreter adicione a água fervendo.
Está pronto para servir.


CHÁ DE GENGIBRE III

 

Tradicionalmente servido no “KSA” (Ashran em Campos  do Jordão), e foi elaborado por Rohini Shakti Didi,com a intenção de melhorar a voz, dissolver os mucos e auxiliar a digestão dos hospedes.  

Ingredientes
1 raiz de gengibre grande
suco de 2 limões
½ xícara de chá de açúcar mascavo, ou orgânico ou ainda cristal
1 litro de água 

Método
Ferva o gengibre previamente lavado e picado por 15 ou 20 minutos.
Depois bata no liquidificador e coe.
Acrescente então o açúcar e o suco de limão e mexa bem, coloque no fogo mais um pouco e desligue.
Você poderá servir quente, frio ou gelado. Na geladeira pode ficar bem por até uma semana. 

Sugestão: Se você quiser usar mel em vez do açúcar, colocar este por ultimo no liquido, quando tiver passado 3 ou 5 minutos de desligado.
O mel nunca deve ser fervido, pois se torna tóxico pela liberação do amido dele.


CHÁS DE ERVAS MILAGROSAS


Alecrim
Indicação:anemia, falta de apetite, gripe e indigestão.
Contra-indicação: não deve ser consumido por grávidas, pessoas com diabetes e pressão alta.
Modo de preparo: coloque em uma xícara (chá) vazia, 1 colher (chá) de ramos frescos ou secos de alecrim. Complete com água fervente, tampe e deixe abafado por 10 minutos. Coe, adoce com mel a gosto e tome 2 xícaras por dia.

Alfazema
Indicação: dor muscular, insônia e dor de cabeça.
Modo de preparo
: em uma panela coloque 3 colheres (sopa) de flores de alfazema com 1 litro de água. Leve ao fogo até ferver. Tampe e deixe descansar por 10 minutos. Coe e beba 1 xícara a cada 8 horas.

Boldo do Chile
Indicação: cólica menstrual e doenças do fígado.
Contra-indicação: não deve ser consumido por gestantes ou pessoas com hepatite aguda.
Modo de preparo:ferva 3 folhas frescas de boldo em 1 litro de água. Espere amornar, coe e beba 1 xícara a cada 6 horas.

Camomila
Indicação: cólica menstrual e tensão nervosa.
Contra-indicação: o consumo por longos períodos não é indicado para pessoas com rinite alérgica.
Modo de preparo: em uma xícara vazia coloque 1/2 colher (sopa) de flores e folhas secas de camomila. Despeje água fervente até completar a xícara. Tampe e deixe descansar por 15 minutos. Adoce com mel a gosto e tome até 3 xícaras (chá) por dia.

Canela
Indicação: problemas respiratórios, gripe e tosse.
Contra-indicação: não deve ser ingerido em grandes doses por grávidas ou por quem tem pressão alta. O contato com a pele também pode provocar alergia.
Modo de preparo: leve ao fogo, em uma panela, 1 xícara (chá) de água, 1 canela em pau e 1 rodela de limão. Desligue quando começar a borbulhar. Espere amornar, coe e beba uma xícara (chá) a cada 8 horas.

Carqueja
Indicação: problemas circulatórios e reumatismo.
Contra-indicação: gestantes e mulheres em fase de amamentação devem consultar um médico antes de consumir carqueja.
Modo de preparo:ferva 1 litro de água e despeje sobre 5 folhas secas de carqueja e 3 folhas frescas de eucalipto em uma panela. Tampe e deixe por 10 minutos. Espere amornar, coe e tome 3 xícaras (chá) por dia. 

Cavalinha
Indicação: cistite e sintomas da menopausa.
Modo de preparo: em uma panela, coloque 1 colher (sopa) de talos secos de cavalinha picada e 1 litro de água. Leve ao fogo e deixe até começar a ferver. Desligue, tampe e deixe descansar por 15 minutos. Coe e beba 1 xícara (chá) a cada 8 horas.

Chapéu-de-couro
Indicação: intestino preso, gases, dores nas articulações e reumatismo.
Modo de preparo:ferva, em uma panela, 1 litro de água com 1 colher (sopa) de folhas secas de chapéu-de-couro. Espere amornar e tome 3 xícaras (chá) por dia.

Cravo-da-Índia
Indicação: dor de cabeça, gases, problemas gástricos e como estimulante do desejo sexual.
Contra-indicação: deve ser consumido em pequenas doses por grávidas, pois o consumo em doses elevadas pode causar contrações uterinas.
Modo de preparo:coloque, em uma panela, 5 cravos-da-índia e 1/2 litro de água. Ferva, tampe e deixe abafado até amornar. Coe e tome 1 xícara (chá) 2 vezes por dia.

Erva-cidreira
Indicação: melhora digestão e insônia.
Modo de preparo: em uma xícara (chá) vazia, coloque 1 colher (sopa) de folhas secas de erva-cidreira. Complete com água fervente, tampe e deixe descansar por 10 minutos. Coe, espere amornar e beba 1 xícara (chá) a cada 12 horas.

Erva-doce
Indicação: vômito e falta de apetite.
Contra-indicação: não deve ser consumida por pessoas que sofrem epilepsia.
Modo de preparo: ferva 1 litro de água com 1 colher (café) de sementes secas de erva-doce e 1 colher (café) de folhas frescas de hortelã. Tampe, deixe amornar e tome 2 xícaras (chá) por dia, sem adoçar.

Eucalipto
Indicação: gripe, tosse, febre e para minimizar sintomas de asma e bronquite.
Modo de preparo: em uma panela, coloque 2 colheres (sopa) de folhas secas de eucalipto com 1 litro de água e leve ao fogo até começar a ferver. Deixe amornar, coe e tome 1 xícara (chá) a cada 6 horas.

Gengibre
Indicação: melhora a digestão, cansaço e congestão nasal.
Contra-indicação: não deve ser consumido por pessoas que tenham problemas de coagulação sanguínea.
Modo de preparo: coloque, em uma panela vazia, 3 colheres (sopa) de gengibre fresco picado. Despeje 1 litro de água fervente por cima e tampe. Deixe abafado por 15 minutos e coe. Adoce com mel e beba 1 xícara (chá) a cada 8 horas.

Guaco
Indicação: tosse e gripe.
Contra-indicação: hemofílicos não devem consumir.
Modo de preparo: ferva 3 folhas frescas de guaco em 1 xícara (chá) de água. Desligue o fogo, acrescente 1/2 colher (sopa) de folhas secas de poejo, 1 colher (chá) de gengibre ralado, tampe e deixe descansar por 5 minutos. Coe, adoce com 2 colheres (sopa) de mel e tome.

Hortelã
Indicação: azia, catarro, enjôo e vômito.
Contra-indicação: não deve ser consumido por bebês e gestantes.
Modo de preparo: em uma panela, ferva 3 colheres (sopa) de folhas frescas de hortelã com 1 litro de água. Espere amornar, coe, adoce com mel e beba 1 xícara (chá) a cada 6 horas.

Losna
Indicação: doenças do fígado, febre e gases intestinais.
Contra-indicação: se consumida em grandes doses, pode causar convulsões e não deve ser ingerida por gestantes, crianças e pessoas com problemas de gastrite e epilepsia.
Modo de preparo: coloque 1 colher (chá) de folhas frescas de losna em uma panela vazia. Despeje 1 litro de água fervente, tampe e deixe abafado por 15 minutos. Espere amornar, coe e tome 1 xícara (chá) 3 vezes ao dia. 

Louro
Indicação: falta de apetite, má digestão e reumatismo.
Contra-indicação: não é recomendado para grávidas.
Modo de preparo: leve para ferver, em uma panela, 2 folhas secas de louro com 1 xícara (chá) de água. Espere amornar, adoce com mel e beba 1 xícara (chá) a cada 10 horas.

Manjericão
Indicação: tensão nervosa, gases intestinais, dor de garganta e gastrite.
Modo de preparo: em uma xícara (chá) vazia, coloque 3 folhas frescas de manjericão. Complete com água fervente. Tampe e deixe abafado por 10 minutos. Coe e tome 1 xícara (chá) 3 vezes ao dia.

Menta
Indicação: dor de garganta, irritação no estômago e prisão de ventre.
Contra-indicação: o consumo excessivo de menta pode provocar náuseas.
Modo de preparo: ferva 1 xícara (chá) de água e despeje sobre 1 colher (chá) de folhas frescas de menta. Tampe e deixe abafado por 15 minutos. Coe e beba 1 xícara (chá) a cada 8 horas.

Mil-folhas
Indicação: gripes, resfriados e para eliminar catarro.
Contra-indicação: grávidas não devem consumir.
Modo de preparo: em uma xícara (chá) vazia, coloque 1/2 colher (chá) de folhas secas de mil-folhas. Complete com água fervente e deixe por 15 minutos. Coe e tome 1 xícara (chá) a cada 12 horas.

Poejo
Indicação: acidez estomacal e catarro.
Contra-indicação: em grandes quantidades ou em forma de óleo, o poejo pode ser tóxico. Grávidas não devem consumir.
Modo de preparo: coloque, em uma panela vazia, 2 colheres (sopa) de folhas frescas de poejo. Despeje 1 litro de água fervente por cima, tampe e deixe descansar por 15 minutos. Espere amornar, coe e beba 1 xícara (chá) a cada 6 horas.

Quebra-pedra
Indicação: infecções urinárias e pedras nos rins.
Contra-indicação: gestantes não devem consumir.
Modo de preparo: despeje 1litros de água fervendo sobre 1 xícara (chá) de ramos de quebra-pedra. Tampe e deixe abafado por 15 minutos. Coe, espere esfriar e tome 1 xícara (chá) a cada 6 horas.

Sabugueiro
Indicação: amenizar catarro em excesso e incômodos causados pela bronquite.
Contra-indicação: não deve ser consumido por grávidas. O consumo desse chá em excesso também pode causar irritação gástrica e  intestinal.
Modo de preparo: em uma panela, coloque 2 xícaras (chá) de água e 1 colher (sopa) de flores secas de sabugueiro. Leve ao fogo até começar a ferver. Espere amornar, coe e beba 2 xícara (chá) por dia.

Salsa
Indicação: gases, circulação e para aumentar o desejo sexual.
Contra-indicação: gestantes devem consumir com moderação. Pessoas com problemas renais devem evitar o uso de salsa.
Modo de preparo: ferva, em uma panela, 2 colheres (sopa) de folhas frescas de salsa com 1 litro de água. Tampe e espere amornar. Coe e tome 3 xícaras (chá) por dia.

Sálvia
Indicação: ansiedade, garganta irritada, mau hálito e problemas digestivos.
Contra-indicação: não é recomendado para grávidas e pessoas com epilepsia.
Modo de preparo: em uma panela vazia, coloque 1 colher (sopa) de folhas frescas de sálvia e 1/2 litro de água. Leve ao fogo e deixe até começar a ferver. Espere amornar, coe e beba 1 xícara (chá) a cada 8 horas.  

Tanchagem
Indicação: inflamações na garganta e prisão de ventre.
Modo de preparo: despeje 1xícara (chá) de água fervente sobre 1 colher (chá) de folhas de tanchagem. Tampe e deixe descansar por 15 minutos. Espere amornar e coe. Faça gargarejos de 3 minutos, com intervalo de 30 minutos entre cada gargarejo.

Tomilho
Indicação: gripe, resfriado, cólicas, prisão de ventre e falta de apetite.
Modo de preparo: coloque, em uma xícara (chá) vazia, 1 colher (sopa) de ramos frescos de tomilho. Complete com água fervente, tampe e deixe descansar por 10 minutos. Coe e tome 1 xícara (chá) 3 vezes por dia.


CHÁ ANTI-INFLAMATÓRIO 

Ingredientes 

4 copos de água
5 cm de gengibre descascado e cortado em fatias
limão e mel a gosto
suco de laranja a gosto

Método 

Ferva a água em fogo alto e adicione as fatias do gengibre.
Abaixe o fogo e tampe a panela para que os vapores não saiam e deixe fervendo por aproximadamente 15 minutos.
O chá está pronto. Coe o mel ou melado, o limão e a laranja e adicione ao chá.
Servir imediatamente.